Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2021

O namoro do Centrão com o golpismo bolsonarista, com Fernando Abrucio - #91

Imagem
Numa semana agitada até mesmo para os padrões bolsonaristas, o governo teve novidades tonitruantes em duas frentes. Numa aprofundou seu relacionamento com o Centrão, indicando o prócer do PP, Ciro Nogueira, para a Casa Civil, em substituição ao general Luiz Eduardo Ramos. Noutra, teve revelada a ameaça do ministro da Defesa, General Braga Netto, de impedir as eleições de 2022 caso não seja aprovado o voto impresso, capricho bolsonaresco. Em que lugar está o governo Bolsonaro hoje? Mais próximo do golpismo militarista ou do fisiologismo de seu contubérnio com o Centrão? Essa é a temática deste #ForadaPolíticaNãoháSalvação, que tem como convidado Fernando Abrucio, cientista político, professor do Departamento de Gestão Pública da FGV EAESP e colunista do Valor Econômico. As músicas deste episódio são "Bicycle - Reunited", de Kevin MacLeod e "A Trip Around the Moon", do Unicorn Heads. #Golpismo #Fisiologismo #Centrão #Militarismo #Autoritarismo #Bolsonarismo #Fascismo

Internet e Política de Cuba ao Brasil, com David Nemer - #90

Imagem
A atuação por meio das redes sociais tem sido um facilitador da mobilização, da contestação e da produção de novos movimentos políticos. Em Cuba, foi o instrumento que viabilizou uma onda de protestos contra o regime e o governo país afora, questionando a falta de alimentos, o autoritarismo e a falta de liberdade. No Brasil, foi instrumentalizada pelo bolsonarismo para eleger seu líder à presidência, atacar adversários e instituições da democracia. Em Cuba esse movimento de questionamento do governo surgiu de baixo para cima, estabelecendo uma comunicação ágil que propiciou a mobilização; no Brasil ele se deu por meio de um sofisticado esquema de disseminação de desinformação. Para discutir esse tema, o convidado deste episódio é o antropólogo David Nemer, professor da Universidade da Virgínia e pesquisador da importância da tecnologia nas interações humanas. As músicas deste #ForadaPolíticaNãoháSalvação são "Sabana Havana", de Jimmy Fontana, "Cuban Sandwich", de Do

Blog do #ForadaPolíticaNãoháSalvação no site da CartaCapital

Imagem
Agora o #ForadaPolíticaNãoháSalvação tem um blog, abrigado no site da CartaCapital. Nele, toda semana haverá pelo menos um texto de análise da conjuntura política. O de estreia é sobre a indicação de um "ministro terrivelmente evangélico" por Jair Bolsonaro para o Supremo Tribunal Federal – André Mendonça. Visite o blog no site da CartaCapital e leia! Fora da Política Não há Salvação na CartaCapital

A velha nova direita, com Angela Alonso - #89

Imagem
Com as jornadas de junho de 2013, um novo ator entrou em cena nas ruas. Ou seria, na verdade, um velho ator? A direita brasileira, muito ativa nas ruas antes de 1964, mas adormecida nessa forma de manifestação durante décadas, pareceu recobrar o seu vigor. Emergiu uma grande reação aos governos petistas, suas políticas, seu discurso e seus valores. De lá para cá, essa direita rediviva protestou contra escândalos de corrupção, ajudou a derrubar Dilma Rousseff, engajou-se no apoio à Lava Jato – entronizando Sergio Moro como herói –, apoiou a eleição de Jair Bolsonaro e, depois, seu governo e seus ataques às instituições democráticas. O que explica a reemergência dessa velha nova direita? Esse é o tema deste #ForadaPolíticaNãoháSalvação, que tem como convidada a socióloga Angela Alonso, professora do Departamento de Sociologia da USP, pesquisadora e ex-presidente do CEBRAP e coordenadora adjunta da área de Humanidades na FAPESP. As músicas deste episódio são "Cool Rock - take the lea

Um governo militar - publicado originalmente no Valor Econômico

Imagem
  Um governo militar O grande número de militares no governo, em ministérios ou noutros cargos, compromete as Forças Armadas com seu destino Já se tornou praticamente um lugar comum chamar a atenção para a imensa presença militar no governo de Jair Bolsonaro. São cerca de três mil militares alocados nos mais diversos cargos da administração federal, seja em nível ministerial, seja no alto e médio escalões, como mostrou um recente levantamento feito pelo site “Poder 360’. Isso representou um aumento de 43% em relação ao que havia em 2018, com cerca de 1,6 mil cedidos pelo Exército, quase 700 pela Marinha e mais de 600 pela Aeronáutica.  Esses números não incluem reservistas, como é o caso, por exemplo, do general Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Se forem contabilizados os reservistas, bem como os oriundos das Polícias Militares estaduais, os números são ainda maiores. Atual governo não é só familista: é militar Se em governos anteriores muito

O Escândalo da Vacina, com Daniela Campello & Deisy Ventura - #88

Imagem
As investigações sobre a atuação do governo Bolsonaro frente à pandemia avançam na CPI. Em acréscimo às evidências de aposta na "imunização de rebanho" e, por isso mesmo, em medicamentos ineficazes e perigosos, descobre-se agora que houve também corrupção na retardada compra de imunizantes. De que forma o escândalo da vacina pode impactar o governo, tanto do ponto de vista jurídico como político? O mandato de Bolsonaro está, finalmente, ameaçado? Sua popularidade será afetada como por essas novas revelações? Esse é o tema deste #ForadaPolíticaNãoháSalvação, que conta com duas convidadas: Daniela Campello, professora de ciência política na FGV EBAPE, e Deisy Ventura, professora de ética na Faculdade de Saúde Pública da USP. As músicas deste episódio são "Amazement", do Freedom Trail Studio, e "Dollar Dub", do Midnight North. #Vacinação #Corrupção #GovernoBolsonaro #Vacinas #CPI #SaúdePública #Covid #PolíticaBrasileira #ConjunturaPolítica Assista no YouTube